Bolonha

Cidade elegante, intelectual e muito rica, Bolonha (Bologna, em italiano), com 460 mil habitantes, é a capital de Emilia-Romagna, orgulhando-se de ter a universidade mais antiga da Europa, onde estudaram Dante, Petrarca e Copérnico. Famosa por sua gastronomia, suas ruas são limitadas por pórticos que cobrem as calçadas. Como toda cittá medieval, possui portas que parecem grandes arcos, onde cada uma é direcionada para uma outra cidade. Ocre é a sua cor, variando entre o vermelho e o amarelo.

Informações

Código de acesso: 051

Centros de Informações: O Informazioni e Assistenza Turistica (IAT) fica na Piazza Maggiore 6, debaixo do pórtico do Palazzo Comunale, é moderno e eficiente. Abre de seg/sáb 9h-19h, domingos até 14h. Peça pelo mensal e gratuito guia com mapa Guest in Bologna. Você também encontra um ponto de informações na estação de trem (seg/sáb 9h-12h30 e 14h30-19h) e no aeroporto (seg/sáb 8h-20h).

 

Na cidade

Orientação

A medieval Piazza Maggiore, no centro, onde está a Basilica di San Petronio é o ponto de referência em Bolonha.

 

Chegando e saindo

Bolonha é considerada um nó ferroviário, pela sua privilegiada localização entre as principais cidades italianas. A estação principal de trens fica na Piazza delle Medaglie d'Oro. A maioria dos ônibus parte do terminal na Piazza XX Settembre, do outro lado da esquina da estação de trem.

 

Como Circular

Tranqüilamente faz-se a cidade a pé e da estação de trem para o centro da Bolonha. Se não quiser caminhar, pegue o ônibus 25 ou 30. O trânsito é intenso e circulam muitas lambretas e bicicletas. O ticket de ônibus tem validade de uma hora, podendo-se comprar o Citypass, útil para 8 viagens. Os pontos de ônibus apresentam o percurso e o horário em que os mesmos passam. Para o aeroporto, pegue o aerobus.

 

Acomodação

Preços altos e quartos escassos caracterizam as acomodações em Bolonha. Vale a pena fazer reservas. O albergue, apesar de distante, é a opção mais em conta.

Ostello di San Sisto, albergue HI. (www.ostellodibologna.com) Via Viadagola 5. Fone 051.501810. Localiza-se em Localitá di San Sisto, a 6 km ao nordeste do centro da cidade, uma travessa de Via San Donato. Pegue ônibus 93 ou 20b em Via Irnerio. Pergunte ao motorista onde descer e siga as indicações. Diária com café da manhã incluído. É longe e não exatamente bem situado. Tem 75 quartos e fecha das 10h-15h30. Curfew 24h. Atenção que os ônibus para lá param de circular às 22h49 e nos domingos às 18h.

 

Comes & Bebes

A gastronomia de Bolonha é um dos pontos altos da cidade. De lá vieram ao mundo o tortellini (tipo de massa), a lasagna, mortadella, e o tradicional spaghetti... à bolognese. A área mais tradicional para comer é em Via Augusto Righi (com pequenas trattorias), Via Belle Arti e no centro. Para preços melhores, tente a área universitária (Mensa Universitaria Irnerio, em Via Zamboni 47), de seg/sex das 12h-14h30 e 19h-21h, finais de semana 12h30-14h. O Belle Herve (Via Ugo Bassi, 27) é um mercado fechado com boas opções de comida tipicamente italiana. Não abre terças e quintas à tarde. Outras sugestões: Altero, na Via Ugo Bassi 10, com ótimas pizzas, e a Nuovo Pizzeria Gianna, na Via San Stephano 76a.

 

Atrações

Piazza Maggiore Esta praça medieval é um bom ponto para começar o seu passeio. É o centro de Bolonha, onde está a sede da prefeitura e também a Basilica di San Petronio, principal igreja da cidade, dedicada ao santo padroeiro. No séc. 14, sua construção foi embargada pelo papa Inocêncio II, pois seria maior que a Basílica de São Pedro no Vaticano. Observe pelo corte que há na fachada externa da igreja: metade mármore e metade tijolo. Abre das 7h15-11h30 e das 14h30-18h30.

Piazza del Nettuno & Fontana di Nettuno Junto à praça central reina esta fonte com uma estátua em bronze de Netuno, obra do francês Jean Boulogne (mais tarde conhecido como Giambologna), em típico estilo barroco.

Piazza di Porta Ravegnana com suas Due Torri (torres) que são o símbolo de Bolonha, construídas pelas famílias Asinelli e Garisenda. A praça é também o ponto de confluência de 7 ruas. Você pode subir a Torre degli Asinelli para uma vista panorâmica da cidade (entrada paga, abre 9h-18h).

Piazza di Santo Stefano Nesta praça triangular existiam no passado um grupo de sete igrejas romanescas construídas durante os séculos 12 e 17, e que correspondiam às sete igrejas de Jerusalém; restando a Chiesa di Santo Stefano, um conjunto de 4 igrejas, onde está enterrado San Petronio. Destaque para a pia, onde se acredita Pôncio Pilatos tenha lavado às mãos depois de condenar Cristo à morte.

Museo Civico Archeologico Via Archiginnasio 2, abre de ter/sex das 9h-14h, sáb/dom até às 13h e 15h30-19h. Entrada paga. Tem uma bela coleção de antigüidades romanas, etruscas e egípcias.

 

Diversão

Como uma boa cidade universitária, tem uma animada vida noturna. Tente os bares de Via Mascarella ou a zona universitária em geral. Saindo um pouco do típico italiano, o Irish Times Pub, na Via Paradiso 1d, é agitado como um bar irlandês, e o Made in Bo, em Parco Nord (você chega lá com o ônibus 25), um complexo de discos com entrada gratuita, aberto entre março e julho, e começa pelas 22h.

 

Compras

Na Via D'Azeglio e Via Independencia, além do shopping center na Piazza Cavour. Há também Mercato di Fiori, toda terça pela manhã.

Para mais informações, visite www.comune.bologna.it

 

Escolha um destino:

Europa
Alemanha
Dinamarca
Espanha
Grã-Bretanha
Holanda
Itália
Portugal
Mais países [+]

África
África do Sul
Marrocos
Mais países [+]

América do Norte
Estados Unidos
Canadá
México

América do Sul
Brasil
Argentina
Chile
Peru
Bolívia
Mais países [+]

América Central
Cuba
Panamá
República Dominicana
Mais países [+]

Oceania
Austrália

Veja também:
Laifis de Turismo

Busca geral:

Curta nossa página nas redes sociais!

Sites da rede:

Sobre Nós | Política de Privacidade | Contrato do Usuário | Fale Conosco

Copyright © 2014 Só Turismo. Todos os direitos reservados. Desenvolvido por Grupo Virtuous.