Capri

Paisagens belíssimas, grutas, água transparente e muito luxo. Assim é a ilha de Capri. Vistas panorâmicas é que não faltam. Localizada na baía de Nápoles, fica a uma hora de barco da mesma. Sua beleza e proximidade atraiu muitos imperadores romanos, incluindo Augustus e Tiberius, que ali construíram algumas vilas. Durante o verão, a ilha lota de turistas.


Fonte: www.smallandeleganthotels.com

Informações
Código de acesso: 837

Centros de Informações: Na Marina Grande, aonde os barcos chegam. Também na Piazza Umberto I, no centro da cidade, onde um pequeno quiosque fornece mapa gratuito, apesar de não muito legível. Em Anacapri, um povoado da ilha, há um CI na Piazza Vittoria 4. Todos abrem de seg/sáb 9h-13h30 e 15h30-18h45. De jun/set 8h30-20h30.

 

Na cidade

Chegando e saindo

A maneira mais rápida de chegar a Capri, saindo de Nápoles é com o aliscafi, uma espécie de lancha de alta velocidade. Para pegá-lo, vá até o Molo Beverello, onde duas companhias operam, ou vá por Mergellina (próximo ao albergue) pela companhia SNAV, com saídas a cada hora. Opção mais barata são os traghetti, embarcações menores que fazem um trajeto mais longo. Partem de Molo Beverello, para o retorno a Capri, o último sai às 20h.

 

Circulando

Assim que se chega na Marina Grande, há um funicular, que oferece uma bela vista durante a viagem, ao longo de seus 3km até a parte alta da ilha. Há pequenos ônibus que conectam Capri a Anacapri e outros pontos na ilha. O funicular chega na Piazza Umberto I, ponto de referência de Capri.

Para conhecer a ilha, existem muitas trilhas entre as montanhas, ou até mesmo algumas que margeiam a costa, eventualmente com algum acesso ao mar. Para visitar as grutas, na Marina Grande há vários pequenos barcos que organizam excursões ao redor da ilha.

 

Acomodação

Para quem quer economizar, é melhor ficar em Nápoles. Já para quem está podendo, existem muitos hotéis de luxo.

 

Comes & Bebes

A comida em Capri também não é das mais baratas. Um simples panini (sanduíche) custa no mínimo €3.

 

Atrações

Para conhecer a ilha, o melhor é fazer uma trilha que começa em Via Tragana e chega até Via Matermania, passando pela costa e por Grotta di Matermania (gruta romana) e o Arco Naturale.

Grotta Azzurra A luz natural entra na caverna por um pequeno buraco nas rochas e deixa a água com a cor de um azul neon. Imperdível. A melhor hora para admirar é entre 11h-15h. Excursões saem da Marina Grande. Mais barato é pegar um ônibus de Anacapri e pagar pela entrada na gruta.

Giardini di Augusto Bonito jardim com vista panorâmica da ilha. No caminho, você passa por Certosa, antigo monastério que, apesar de ter a entrada fechada, oferece uma boa vista.

Villa Jovis Localizada em um dos pontos mais altos da ilha, são ruínas de uma das vilas de Tiberius, em Via Longano e Via Tiberio, mais ou menos uma hora de subida a pé. Entrada paga.

Anacapri Não deixe de visitar Villa San Michele com bonitos jardins e um terraço com vista panorâmica da ilha. Entrada paga, aberto das 9h-18h.

Para mais informações, visite www.comunedianacapri.it

 

Escolha um destino:

Europa
Alemanha
Dinamarca
Espanha
Grã-Bretanha
Holanda
Itália
Portugal
Mais países [+]

África
África do Sul
Marrocos
Mais países [+]

América do Norte
Estados Unidos
Canadá
México

América do Sul
Brasil
Argentina
Chile
Peru
Bolívia
Mais países [+]

América Central
Cuba
Panamá
República Dominicana
Mais países [+]

Oceania
Austrália

Veja também:
Laifis de Turismo

Busca geral:

Curta nossa página nas redes sociais!

Sites da rede:

Sobre Nós | Política de Privacidade | Contrato do Usuário | Fale Conosco

Copyright © 2010 - 2017 Só Turismo. Todos os direitos reservados. Desenvolvido por Virtuous.