Você está em América do Sul > Uruguai

Uruguai (continuação)

Viagem

Linhas aéreas: A principal companhia aérea do país é a Pluna Líneas Aereas.  O Aeroporto Internacional de Carrasco, em Montevidéu, e o Aeroporto de Laguna del Sauce, que fica em Punta del Este são os principais aeroportos uruguaios. As linhas aéreas que voam do Brasil para o Uruguai são: TAM, Gol e Pluna.

Barco: Outra opção é entrar no país de barco. Há linhas que fazem o trajeto de Buenos Aires, na Argentina, para as cidades uruguaias de Montevidéu, Colônia do Sacramento e Punta del Este.

Trem: Não existem mais trens de longa distância no Uruguai.

Táxis: É uma opção barata e uma boa alternativa para quem não gosta de utilizar o transporte coletivo.

Aluguel de carros: Devido a sua pequena extensão territorial, o melhor é percorrer o país de carro. Para alugar um carro no Uruguai é necessário ter mais que 21 anos (em alguns lugares é preciso ter mais que 25), possuir cartão de crédito, a carteira de habilitação brasileira (CNH) e a Carta Verde (um seguro obrigatório de responsabilidade civil  exigido para circular nos países do Mercosul que pode ser adquirido em bancos, como o Banco do Brasil).

Acomodação

O país está bem preparado para receber os visitantes. Conta com uma grande variedade de hospedagem. Hotéis, cabanas, hostels, alojamentos em fazendas, pousadas e campings são algumas das ofertas. O melhor é sempre reservar com certa antecedência, principalmente, se a viagem está planejada para o período do verão.

Comes & Bebes

Há muitos pratos típicos da culinária uruguaia. A carne está presente na maioria deles. O churrasco uruguaio (asado uruguayo) diferentemente do churrasco brasileiro é asado com lenha e não com o carvão. O “chimichurri” (molho composto por vinagre, azeite de oliva e diversos condimentos, como a pimenta, que dependendo da quantidade usada pode deixar a mistura mais forte) é um bom acompanhamento para parrillada, uma mescla de carnes assadas na parrila (grelha).

Não se pode ir ao Uruguai e não saborear o tradicional “chivito”. Sanduíche, parecido com o bauru brasileiro, originalmente preparado com carne de cabrito (“chivo” em espanhol) que pode ser servido ao pão, ao prato e com batatas fritas. Há ainda a clássica “hamburguesa”, que como sugere o nome, é um tipo hambúrguer uruguaio que leva vários ingredientes típicos e pode ser encontrado em carrinhos espalhados pelas esquinas das cidades.

Outras comidas que fazem parte da gastronomia uruguaia são a “pascualina”, a “garrapiñada”, a “chaja” (saborosa torta que leva pêssegos, chantilly e suspiros) e os tradicionalmente conhecidos “dulce de leche” e “alfajores”.

O mate, assim como na Argentina, também é uma bebida típica do Uruguai. As cervejas uruguaias mais conhecidas são a Pilsen, a Patricia, a Norteña e a Zillertal. O vinho da uva Tannat tem grande produção e é muito apreciado no país.

  

Como referenciar: "Uruguai - Hospedagem e Alimentação" em Só Turismo. Virtuous Tecnologia da Informação, 2010-2021. Consultado em 15/06/2021 às 13:04. Disponível na Internet em http://www.soturismo.com.br/continentes/america_do_sul/uruguai/p3.php