Você está em Europa

Grã-Bretanha

Principais atrações

Londres é, sem dúvida, a grande atração da Grã-Bretanha, mas há outros locais muito interessantes para visitar, a exemplo das cidades universitárias de Oxford e Cambridge, os centros históricos de Bath e a capital escocesa, Edimburgo.

A paisagem natural torna-se o centro das atenções nas regiões menos populosas, como o norte da Inglaterra, o País de Gales e o interior da Escócia. Lake District, Snowdonia e a Ilha de Skye são lugares belíssimos.

Acomodação Língua
Clima Saúde
Comes & Bebes Segurança
Compras Serviços Consulares
Comunicação Viagem
Dinheiro Visto
Diversão

Exibir mapa ampliado

Cidades

InglaterraPaís de GalesEscócia
BathCaernarfonAberdeen
BrightonCardiffEdimburgo
BristolSnowdoniaGlasgow
Blenheim Palace Inverness
Cambridge Isle of Skye
Castelo de Windsor St. Andrews
Canterbury Stirling
Chester  
Durham  
Lake District  
Liverpool  
Londres  
Manchester  
Oxford  
Salisbury  
Stonehenge  
Stratford-upon-Avon  
York  

Quando viajar

As cidades podem ser visitadas durante o ano inteiro, mas diversas atrações funcionam apenas entre a Páscoa e o mês de outubro. Alguns hotéis ficam lotados no Natal e Ano-Novo. Em julho e agosto, quando as famílias britânicas costumam tirar suas férias, e nos feriados, o movimento é bastante grande. A primavera e o outono são épocas excelentes para viajar para o país: há menos gente e a temperatura é mais agradável.

Organize sua viagem

Se o seu tempo é escasso, não tenha dúvidas, fique em Londres. São inúmeras as atrações da capital inglesa. O seu cosmopolitismo a torna um centro verdadeiramente internacional, transcendendo os limites de uma cidade tipicamente britânica. Atente para algumas atrações específicas de seu interesse particular (arte, cinema, história, ciências, antropologia, design) e visite seus museus. Além disso, aproveite bem as boas atrações gratuitas: os parques, a National Gallery, shows no Covent Garden, mercados de pulga. Descubra a cidade, ande no segundo andar dos ônibus, caminhe bastante e não tenha medo de atravessar a rua - ainda que você não tenha a menor ideia por que lado vem os carros. Repare também no povo, ingleses, britânicos, imigrantes. Tire suas próprias conclusões sobre sua cordialidade. Pegue o metrô e veja como as pessoas se olham (ou não). Lembre-se, porém, que a tradicional Inglaterra não está lá - e uma viagem ao countryside é recomendável para quem quer saber mais do Reino Unido - e veio com tempo para isso, como Oxford, Cambridge, York e Bath. Mas também em grandes pólos industriais e bem menos charmosos como Manchester, Birmingham e Liverpool - esta última já tendo feito sua contribuição ao universo com os Beatles.

Um outro lado da cultura britânica, aliada a uma viagem excepcional, você faz no norte: Escócia, realmente imperdível, pra quem não está com os dias contados. Edimburgo é uma encantadora capital, repleta de eventos no verão e charme durante o ano todo, tal qual o país, caracterizado por vilarejos, castelos, Highlands, uma paisagem única e um povo com uma forte raiz cultural. Pegue seu carro, trem ou ônibus e descubra ao máximo as várias belezas que o reino unido da rainha e seus patriotas de sangue azul proporcionam aos seus não-súditos de sangue verde-amarelo.

Como referenciar: "Grã-Bretanha" em Só Turismo. Virtuous Tecnologia da Informação, 2010-2019. Consultado em 19/09/2019 às 02:01. Disponível na Internet em http://www.soturismo.com.br/continentes/europa/gra_bretanha/