Stuttgart

Fundada em 950 a.C., Stuttgart, com 589 mil habitantes, tornou-se cidade somente no século 14. É a capital de Baden-Württemberg e, mais do que qualquer atração histórica ou natural, é a sede da Bosch, além das cobiçadas montadoras Porsche e Daimler-Benz.

Um haras deu origem à cidade, que se tornou capital do ducado e em seguida capital de Württemberg. É hoje uma das maiores e mais importantes cidades da Alemanha. Situada entre colinas, constitui importante centro industrial e cultural, com famosa companhia de balé, orquestra de câmara e belos acervos de arte.


Fonte: flickr.com

 

Informações

Código de acesso: 0711

Centros de Informações: Na Königstrasse 1A. Aberto das 9h-17h. Fica na saída da escada rolante da estação de metrô que serve à estação de trem. Você consegue mapas do sistema viário e da cidade, além de reservar hotéis. Troque seu dinheiro no banco dentro da estação de trem (em dias úteis) ou nas casas de câmbio em frente à mesma, do outro lado da rua.

Internet: Um dos melhores pontos de acesso é curiosamente dentro de uma loja de departamentos. No 4º andar da Kaufhof, na Königstrasse, tem um cyber posto escondido num canto, que cobra €1,50 por meia hora de uso.

 

Na cidade

Orientação

O rio Neckar atravessa o centro da cidade, onde estão quase todos os prédios históricos, bem como as lojas de departamentos e locais de interesse. A Bahnhof marca um dos limites deste centrinho, a partir de onde começa uma seqüência de áreas verdes que se expandem até tornarem-se um parque ao norte. Na outra margem do rio está a zona industrial.

 

Chegando e saindo

A estação Hauptbahnhof é o ponto central de onde partem as linhas de ônibus, bonde e metrô. Está no fim da Königstrasse, que é uma das ruas famosas da cidade (hoje um calçadão com prédios modernos), distante do centro cerca de 800m. Trens para Mannheim e Heidelberg, cidades nos arredores (90km) saem por €18.

 

Como Circular

O sistema de transportes é totalmente integrado, com os bilhetes valendo para bondes, trens de subúrbio, ônibus e metrôs. Para quem for circular bastante, a Tageskarte é o ticket de 1 dia para qualquer um dos transportes. Custa €6,50. Só precisa carimbá-lo (dentro dos ônibus ou nas estações de metrô) e deixá-lo no bolso. E atenção: trens e bondes podem compartilhar a mesma plataforma, portanto verifique se você está no local certo esperando o veículo certo.

 

Acomodação

Albergue HI

Jugendgästehaus Stuttgart. Haussmannstrasse 27. Fone 241583, fax 236 1041. Pegue o bonde 15 (cuidado, não é o metrô U15) até a Eugenplatz, desça a rua Kerner até a esquina com a Werastrasse e siga as placas. Repare que a Haussmannstrasse é apenas o endereço postal, não há acesso por ali, para chegar na recepção do albergue é preciso subir mais de 80 degraus. Diária €11,50 + €2,50 pelos lençóis (não são aceitos sacos de dormir). Maiores de 25 anos pagam €13,50. Tem 220 camas. Lock-out das 9h-17h. Curfew à meia noite. Alta movimentação no verão, prédio limpo, quartos com 4 camas, chuveiros coletivos e banheiros no corredor. É um ponto legal para conhecer gente e combinar passeios, mas a rigidez é tal que o café da manhã, embora bem servido, termina às 8h.

 

Albergues Independente

Tramper Point. Wiener Strasse 317. Fone 817 7476, fax 237 2815. Metrô U6 até Sportpark Feuerbach, saindo da estação, dobre à direita, passando sob os trilhos (viaduto), caminhe mais 100m até ver um "disco voador" de madeira. É ali. Trata-se de uma espécie de "creche de adolescentes", com quadra poliesportiva, fliperama, ping pong, etc. O lugar dispõe de um enorme quarto com 25 beliches que ficam disponíveis durante o verão (meados de junho a meados de setembro), por €6,50 (com café incluído). Não é seguro para os seus pertences, nem muito limpo, mas ao menos é barato e arejado. Lock-out das 9h30-17h. Curfew às 23h. Banheiros coletivos no corredor, barzinho aberto até às 23h.

 

Comes & Bebes

O melhor ponto para comer é no centro. Na Königstrasse você encontra não só as tradicionais cadeias da vida, como alguns buffets self-service com boa qualidade e preços razoáveis. O Restaurante Marché, espécie de quilo com grife, na Königstrasse em frente ao McDonalds e à Benneton, tem buffet de saladas (€1,50/3,50), carnes (frango €2) e massas (€3/4,50).

 

Atrações

Grosses Haus und kleines Haus (Teatros) Suba a Königstrasse vindo da estação central até a praça e cruze-a para a esquerda. São os dois principais teatros da região, o primeiro, um palácio do séc. 19 (Opera Haus) e o segundo um anexo modernista feito para abrigar espetáculos mais contemporâneos. Visite-os por fora durante o dia e, caso animar-se, consulte a extensa lista de peças em cartaz (no verão há sempre festivais). Espetáculos custam de €6 a €22. Os horários variam.

Staatsgalerie (Galeria) Konrad Adenauer Strasse 30/32. O mesmo caminho até os teatros, passando e atravessando a avenida. Aberto de ter/dom das 11h-19h. No 1o sábado do mês fica aberto até às 24h. Entrada €4,50/2,50 (estudante). Nas quartas a entrada é gratuita. O Staatgalerie cresceu a partir de um museu de belas-artes e abriga o acervo particular do rei Guilherme I de Württemberg. Além do prédio ser interessante, a coleção é bastante eclética, com obras de mestres antigos, como Rembrandt e Bellini, cercados de peças de Monet, Picasso, Modigliani, Lichtenstein, Warhol, até um par de esculturas de Rodin.

Hegelshaus (Casa de Hegel) Eberhardtstrass 53. Metrô U4 até Rathaus, siga a Markstrasse até a Eberhardt e vire à direita. Abre terças, quintas e sextas das 10h-17h30. Entrada gratuita. Casa do filósofo Hegel. Está restaurada e tem em seus cômodos alguns de seus originais, escritos de próprio punho.

Fernsehturm (Torre da Televisão) Ruhbank Park. Metrô U7 até Ruhbank, desça na estação a céu aberto e olhe para cima para achar a torre de TV. Abre diariamente das 10h-17h (até 19h no verão). Essa torre de mais de 200m abriga o centro de transmissão de uma das televisões locais e, naturalmente, tem um mirante. Entrada €3 pela vista de Sttutgart que impressiona.

Altschloss (Castelo) Schillerplatz 6. Suba a Königstrasse vindo da estação central até a Schlossplatz. Aberto terças das 10h-13h e de qua/dom das 10h-17h. Entrada €2,50/1,50 (estudantes menores de 26). Quando o palácio dos Württembergs pegou fogo, em 1311, a família decidiu mudar-se para Stuttgart. A residência ducal, Altes Schloss, ganhou sua atual forma quadrada entre 1553-78. Hoje o palácio abriga o Württembergisches Landesmuseum, que reúne amplo acervo de artes decorativas e jóias. Na parte leste da praça principal de Sttutgart destaca-se o complexo do palácio, o Neues Schloss, erguido entre 1746 e 1807. Os jardins mantêm o charme original, com belas alamedas e esculturas elegantes. Este museu instalado no antigo castelo do burgo está espalhado por vários níveis, sendo a ordem cronológica das exposições de baixo para cima. Nos primeiros níveis você verá objetos neolíticos, celtas, germânicos e romanos, passando pelos medievais e assim por diante. No alto, uma interessante coleção de mobiliário alemão, de gabinetes a astrolábios do século passado, além de artefatos das últimas três décadas, numa tentativa de dizer que "a história está se fazendo neste momento".

Mercedes-Benz Museum Mercedesstrasse 137. Metrô S1 até Daimler-Stadium, desça da estação, saia para a esquerda na rua, ande sob o viaduto e siga por baixo dele passando pela porta da fábrica, andando mais uns 100 metros até o quiosque de onde partem os ônibus próprios da excursão. Aberto diariamente das 10h-17h. A recepção é cordial, trilíngüe e, melhor de tudo, com entrada grátis. O museu é um prédio moderno dentro da fábrica, com uma sucessão de modelos do passado e do presente contando a história dos veículos automotores e a influência dos sócios-fundadores, Daimler e Benz, nesta indústria. Os audioguias também são gratuitos. Programa recomendado não apenas destinado aos aficcionados por carros.

Porsche Museum Porscheplatz 1. Metrô S6 até Neuwirtshaus. Aberto de seg/sex das 9h-16h, sáb/dom 9h-17h. Também gratuito, este museu é bem mais enjambrado. É um salão dentro da fábrica com uns vinte e tantos porsches e uma boutique de badulaques com a marca. Nenhuma recepção, nenhuma explicação, meramente os carros e os títulos conquistados. Este sim, para aficcionados, que podem reservar tours pela fábrica pelo fone 9115384.

Weissenhof Siedlung (Bairro Arquitetônico) Metrô U7 até Killesberg Messe, desça a rua em direção à cidade, vire à esquerda na Academia de Belas-Artes (Kunstakademie) e caminhe por entre vários prédios desenhados por Le Corbusier, Mies Van der Rohe, Peter Behrens, Hans Scharoun e outros mestres do Modernismo. Aproveite para conhecer a Messe, o pavilhão de exposições da feira de Stuttgart e ver a cidade do topo das colinas.

Rosenstein Museum Rosenstein 1. Metrô U14 até Wilhelma, entre no parque de mesmo nome e siga as placas. Aberto das 9h-17h, finais de semana das 10h-18h, fecha segundas. Entrada €2/1 (estudante). Este museu dentro do parque é parte de uma trinca de atrações com temas biológicos (ver abaixo); o Rosenstein é o Museu de História Natural, com esporos em vidrinhos, sapos dissecados e curiosidades do gênero.

Löwentor Museum Bahnhofstrasse, 190. Metrô S4, S5 ou S6 até Nordbahnhof, siga as placas. Aberto diariamente das 10h-18h. Entrada €4,50/2,50 (estudante). Do outro lado do mesmo parque está este apêndice do Museu de Historia Natural com outra temática: dinossauros e seus contemporâneos. São centenas de fósseis de moluscos sem graça, cercando montagens de dinossauros impressionantes. Alguns ossos são genuínos, outros são reproduções muito convincentes. Há modelos em tamanho natural de certos espécimes do passado e uma seção sobre os ancestrais do homem.

Wilhelma Zoo Metrô U14 até Wilhelma, siga 400m para sul entre o parque e o rio. Aberto diariamente das 8h30-18h. Entrada €9/4,50 no verão e €5/2,50 no inverno (estudantes menores de 28 anos). Esse zôo tem duas características básicas: é pequeno e bem cuidado. Isso significa que você não perderá um tempo extremo para visitar todos os bichos.

 

Compras

Na Königstrasse estão as principais lojas. Entre elas, o WOM (World of Music), que é uma grande cadeia alemã de lojas de CDs, com uma grande variedade. Sem se preocupar com os preços, visite a Kaufhof, na esquina da "Kö" com a Kronenstraße, uma loja de departamentos com o trivial chique: roupas, material esportivo e artigos eletrônicos.

 

Para mais informações: http://www.stuttgart-tourist.de

 

Mapa de Stuttgart

Fonte: www.planetware.com

 

Escolha um destino:

Europa
Alemanha
Dinamarca
Espanha
Grã-Bretanha
Holanda
Itália
Portugal
Mais países [+]

África
África do Sul
Marrocos
Mais países [+]

América do Norte
Estados Unidos
Canadá
México

América do Sul
Brasil
Argentina
Chile
Peru
Bolívia
Mais países [+]

América Central
Cuba
Panamá
República Dominicana
Mais países [+]

Oceania
Austrália

Veja também:
Laifis de Turismo

Busca geral:

Curta nossa página nas redes sociais!

Sites da rede:

Sobre Nós | Política de Privacidade | Contrato do Usuário | Fale Conosco

Copyright © 2014 Só Turismo. Todos os direitos reservados. Desenvolvido por Grupo Virtuous.